Domingo, 9 de Maio de 2010

Livros - "A Filha da Czarina" de Carolly Erickson

 

1898: Daria Gradov é uma avó idosa, que vive numa zona rural do Canadá. O que os vizinhos e os próprios filhos desconhecem é que ela não é a pessoa que diz ser, a viúva de um modesto emigrante russo. Na realidade, ela nasceu e começou a vida como grãduquesa Tatiana, ou Tânia, como lhe chamavam os seus pais, o czar Nicolau II e a czarina Alexandra.
E é assim que começa o último e cativante romance histórico de Carolly Erickson. A história centra-se na jovem Tânia, que vive uma vida de luxo incomparável na Rússia da pré-revolução, tanto no palácio de Inverno de S. Petersburgo como no enclave particular da família fora da capital. Tânia é uma das quatro filhas e o nascimento do irmão mais novo, Alexei, é simultaneamente uma bênção e uma maldição. Quando lhe é diagnosticada hemofilia e a chave para a sua sobrevivência reside nos misteriosos poderes de Rasputine, o monge analfabeto, isto é apenas o presságio de que tempos negros se aproximam. Em breve rebenta a guerra e a revolução arrasta a família do poder para um encarceramento claustrofóbico na Sibéria. No mundo de Tânia surge um jovem soldado, cuja vida ela ajuda a salvar e que será o seu companheiro na concretização dos arrojados planos para salvar a família imperial da morte certa.

 

Opiniões

 

Este livro vem de Carolly Erickson, a malfadada escritora de "A Última Czarina", também disponível em Portugal. Embora ela se tenha conseguido esquivar por pouco da desaprovação geral da comunidade Romanov com a sua biografia floreada de Alexandra Feodorovna, não parece ter tido a mesma sorte com esta sua nova tentativa. A personagem central do romance é Tatiana Nikolaevna, desta vez escolhida para ser a sobrevivente do massacre imperial. Talvez por ser já uma história contada repetidamente neste tipo de livros, talvez devido a uma caracterização demasiado exagerada da segunda filha do czar Nicolau II como uma rebelde que foge do palácio para se encontrar com soldados, o livro foi muito mal recebido. Ainda não tive oportunidade de lê-lo, mas tenho seguido opiniões gerais sobre ele e atrevo-me a dizer que seja bom entertenimento para quem não seguir fervorosamente a história e não se ofender facilmente com alguns factos rebuscados. O preço do livro em livrarias é, como sempre, exagerado. 18 euros, mas pode ser encontrado com 10% de desconto no Wook.

 


publicado por tuga9890 às 12:21
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.pesquisar

 

.Dezembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.arquivos

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Outubro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. todas as tags

.links

.posts recentes

. Livros - "A Filha da Czar...

SAPO Blogs

.subscrever feeds